MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800 MAIS DE 90 CENTROS NA EUROPA, REALIZAMOS MAIS DE 100 MIL TRATAMENTOS POR ANO.  INFORMAÇÕES TODOS OS CENTROS: 963 600 800
Ligamos para si

Eu li e aceito a Política de Privacidade
É POSSÍVEL O CONTÁGIO DE PIOLHOS ENTRE HUMANOS E ANIMAIS?

As pessoas, assim como os animais, por exemplo cães e gatos, podem apanhar piolhos a qualquer momento. No entanto, o contágio de piolhos entre humanos e animais de estimação é impossível.

Os piolhos que afetam os animais de estimação não são os mesmos que contagiam os humanos, assim sendo, aqueles parasitas que atacam os nossos animais, não conseguem sobreviver nas nossas cabeças.

De facto, existem mais de 3 mil variedades de piolhos. Cada variedade tem um nome específico, e os piolhos, como parasitas que são, procuram sempre as melhores condições para a sua sobrevivência e reprodução.

Assim sendo, o pediculus humanus capitis, só tem expressão em cabeças humanas, não podendo sobreviver noutros animais. O mesmo acontece com as variedades específicas dos piolhos que atacam os animais, que nos humanos encontram um ambiente inóspito.

Ligamos para si

Eu li e aceito a Política de Privacidade
Este site utiliza cookies próprias e de terceiros para melhorar a sua experiência, alguns dos quais essenciais para que certas partes do site funcionem corretamente. Saiba mais na Política de Privacidade.